BEST OF THE DECADE – part I

Depois de muita dificuldade e com a sensação de que muita coisa pode ter ficado de fora, começo a postar a lista de meus preferidos da década. Filmes produzidos entre 2000 e 2009, de todas as nacionalidades e gêneros. Claro que não vi tudo, incluindo várias coisas de 2008 e 2009 que ainda não chegaram às minhas mãos (vale uma revisitada na lista lá pelo meio do ano), mas enfim… coisa boa não faltou. Tanto que uma lista de 100 foi pouco… então fiz uma de 200! E ainda tendo que cortar coisas…

Primeiro a lista dos off top 100, começando, em ordem alfabética… por baixo, se assim pode-se dizer. 80 títulos que mereciam estar em quaisquer listas dos melhores (sempre respeitando a máxima do “gosto não se discute”, ok?). Depois os 20 que quase quase entraram na lista principal. No próximo post os Top 100 oficial. E, por fim, outro com os diretores e atores mais lembrados, e uns dados “estatísticos”. Enjoy it!

CHEIO DE COISA BOA

Valeram muito o preço do ingresso (ou da locação)

 

ADAPTAÇÃO (Adaptation, EUA, 2002, Spike Jonze)

ADEUS, LÊNIN! (Goodbye Lenin!, Alemanha, 2003, Wolfgang Becker)

ALTA FIDELIDADE (High Fidelity, EUA, 2000, Stephen Frears)

O ÂNCORA (Anchorman: The Legend of Ron Burgundy, EUA, 2004, Adam McKay)

O ANO EM QUE MEUS PAIS SAÍRAM DE FÉRIAS (Brasil, 2006, Cao Hamburger)

ANTES DO ANOITECER (Before Night Falls, EUA, 2000, Julian Schnabel)

APENAS UMA VEZ (Once, Irlanda, 2007, John Carney)

ARTE, AMOR E ILUSÃO (The Shape of Things, EUA, 2003, Neil LaBute)

BABEL (EUA, 2006, Alejandro González-Iñárritu)

O BURACO (The Hole, Inglaterra, 2001, Nick Hamm)

CARTAS DE IWO JIMA (Letters From Iwo Jima, EUA, 2006, Clint Eastwood)

CASA DE AREIA (Brasil, 2005, Andrucha Waddington)

CHUMBO GROSSO (Hot Fuzz, Inglaterra, 2007, Edgar Wright)

CLEAN (Canadá/França/Inglaterra, 2004, Olivier Assayas)

COLATERAL (Collateral, EUA, 2004, Michael Mann)

COLD MOUNTAIN (EUA, 2003, Anthony Minghella)

CRIME DELICADO (Brasil, 2005, Beto Brant)

O CURIOSO CASO DE BENJAMIN BUTTON (The Curious Case of Benjamin Button, EUA, 2008, David Fincher)

DISTRITO 9 (District 9, EUA/Nova Zelândia, 2009, Neil Bloomkamp)

OS DONOS DA NOITE (We Own the Night, EUA, 2007, James Gray)

ELEFANTE (Elephant, EUA, 2003)

ENTRANDO NUMA FRIA (Meet the Parents, EUA, 2000, Jay Roach)

ERIN BROCKOVICH – UMA MULHER DE TALENTO (Erin Brockovich, EUA, 2000, Steven Soderbergh)

ESTÔMAGO (Brasil, 2008, Marcos Jorge)

ESTRADA PARA A PERDIÇÃO (Road to Perdition, EUA, 2002, Sam Mendes)

EU, VOCÊ E TODOS NÓS (Me and You and Everyone We Know, EUA, 2004, Miranda July)

O FANTÁSTICO SR. RAPOSO (Fantastic Mr. Fox, EUA, 2009, Wes Anderson)

FAHRENHEIT 9/11 (EUA, 2004, Michael Moore)

FATAL (Elegy, EUA, 2008, Isabel Coixet)

FOI APENAS UM SONHO (Revolutionary Road, Inglaterra/EUA, 2008, Sam Mendes)

FROST/NIXON (EUA, 2008, Ron Howard)

A GAROTA DA VITRINE (Shopgirl, EUA, 2005, Anand Tucker)

UM GRANDE GAROTO (About a Boy, EUA, 2002, Chris e Paul Weitz)

GUERRA AO TERROR (The Hurt Locker, EUA, 2009, Kathryn Bigelow)

O INVASOR (Brasil, 2002, Beto Brant)

O JARDINEIRO FIEL (The Constant Gardener, Inglaterra, 2005, Fernando Meirelles)

KING KONG (EUA, 2005, Peter Jackson)

O LABIRINTO DO FAUNO (El Laberinto del Fauno, Espanha/México, 2006, Guillermo del Toro)

LONGE DO PARAÍSO (Far from Heaven, EUA, 2002, Todd Haynes)

O LUTADOR (The Wrestler, EUA, 2008, Darren Aronofsky)

MAR ADENTRO (Espanha, 2004, Alejandro Amenábar)

MARCAS DA VIOLÊNCIA (A History of Violence, Canadá, 2005, David Cronenberg)

O MELHOR DO SHOW (Best in Show, EUA, 2000, Christopher Guest)

MENINA MÁ.COM (Hard Candy, EUA, 2005, David Slade)

MENINAS MALVADAS (Mean Girls, EUA, 2004, Mark Waters)

MILK – A VOZ DA IGUALDADE (Milk, EUA, 2008, Gus Van Sant)

MOON (Inglaterra, 2009, Duncan Jones)

MOTHER (Madeo, Coréia do Sul, 2009, Bong Joon-Ho)

NÃO SE NOVA (Non Ti Muevere, Itália/Espanha, 2004, Sergio Castellito)

O NEVOEIRO (The Mist, EUA, 2007, Frank Darabont)

NINE (EUA, 2009, Rob Marshall)

A NOIVA CADÁVER (Tim Burton’s Corpse Bride, EUA, 2005, Tim Burton & Mike Johnson)

8 MULHERES (8 Femmes, França, 2002, François Ozon)

OLDBOY (Coréia do Sul, 2003, Chan-wook Park)

11/12/13 HOMENS E UM SEGREDO (Ocean’s Eleven/Twelve/Thirteen, EUA, 2002-2004-2005, Steven Soderbergh)

PARIS, TE AMO (Paris Je T´Aime, França, 2006, Olivier Assayas, Sylvain Chomet, Ethan & Joel Coen, Alfonso Cuarón, Alexander Payne, Isabel Coixet, Walter Salles & Daniela Thomas, Gus Van Sant)

O PIANISTA (The Pianist, França/Inglaterra, 2002, Roman Polanski)

POSSUÍDOS (Bug, EUA, 2006, William Friedkin)

500 DIAS COM ELA ((500) Days of Summer, EUA, 2009, Marc Webb)

A RAINHA (The Queen, Inglaterra, 2006, Stephen Frears)

REENCARNAÇÃO (Birth, EUA, 2004, Jonathan Glazer)

O SEGREDO DE VERA DRAKE (Vera Drake, Inglaterra, 2004, Mike Leigh)

SE BEBER, NÃO CASE (The Hangover, EUA, 2009, Todd Phillips)

Trilogia O SENHOR DOS ANÉIS (The Lord of the Rings: The Fellowship of the Rings / The Two Towers / The Return of the King, EUA/Nova Zelândia, 2001-2002-2003, Peter Jackson)

SIMPLESMENTE AMOR (Love Actually, Inglaterra, 2003, Richard Curtis)

SOB A AREIA (Sous le Sable, França, 2000, François Ozon)

SIDEWAYS (EUA, 2004, Alexander Payne)

SHORTBUS (EUA, 2006, John Cameron Mitchell)

SINAIS (Signs, EUA, 2002, M. Night Shyamalan)

TERRA DE NINGUÉM (No Man´s Land, Bósnia-Herzegovina, 2001, Danis Tanovic)

TRAFFIC (EUA, 2000, Steven Soderbergh)

TRAPACEIROS (Small Time Crooks, EUA, 2000, Woody Allen)

A ÚLTIMA HORA (The 25th Hour, EUA, 2002)

VALSA COM BASHIR (Vals im Bashir, Israel, 2008, Ari Folman)

VIAGEM MALDITA (The Hills Have Eyes, EUA, 2006, Alexandre Aja)

VIAGEM PARA DARJEELING (The Darjeeling Limited, EUA, 2007, Wes Anderson)

A VIDA DOS OUTROS (Das Leben der Anderen, Alemanha, 2006, Florian  Henckel von Donnersmarck)

OS VIGARISTAS (Matchstick Men, EUA, 2003, Ridley Scott)

O VIRGEM DE 40 ANOS (The 40-Yeard Old Virgin, EUA, 2005, Judd Apatow)

ZODÍACO (Zodiac, EUA, 2007, David Fincher)

 ==================================================================================================

 MENÇÕES HONROSAS

20 que não entraram por pouco no Top 100:

 

ABRAÇOS PARTIDOS (Los Abrazos Rotos, Espanha, 2009, Pedro Almodóvar)

Melodrama + noir + Penélope nas mãos de Almodóvar = maravilha.

AMANTES (Two Lovers, EUA, 2008, James Gray)

Dói na alma de tão romântico, e Joaquin Phoenix no melhor de sua forma.

ANTES DO POR-DO-SOL (Before Sunset, EUA, 2004, Richard Linklater)

Quase dez anos depois do original, a dupla ainda mantém o frescor de seus diálogos-cabeça.

BILLY ELLIOT (Inglaterra, 2000, Stephen Daldry)

Quem não se apaixonou por aquele pivete de sapatilhas?

CONFISSÕES DE UMA MENTE PERIGOSA (Confessions of a Dangerous Mind, EUA, 2002, George Clooney)

Estreia “alternativa” de Clooney na direção, com um roteiro de Charlie Kaufman e Sam Rockwell arrebentando.

AS CONFISSÕES DE SCHMIDT (About Schmidt, EUA, 2002, Alexander Payne)

Um dos melhorea de Jack Nicholson, sob a batuta de Payne e a companhia de luxo de Kathy Bates.

DURVAL DISCOS (Brasil, 2002, Anna Muylaert)

Delícia de comédia nacional, bizarra, completamente avessa à qualquer convenção de roteiro, com um elenco perfeito.

HEDWIG - ROCK, AMOR E TRAIÇÃO (Hedwig and the Angry Inch, EUA, 2001, John Cameron Mitchell)

Esse Mitchell é um dos que vão dar muito o que falar ainda. Sua estreia na direção com uma “ópera-rock gay” foi um show de originalidade.

O HOMEM QUE NÃO ESTAVA LÁ (The Man Who Wasn't There, EUA, 2001, Joel e Ethan Coen)

Coens noir? Em preto-em-branco? Com Frances McDormand? Gozo puro.

HORA DE VOLTAR (Garden State, EUA, 2004, Zach Braff)

Nunca vi Scrubs, mas aprendi a admirar o narigudo Braff por causa dessa sua história super humana e introspectiva. E Natale Portman nunca é demais né?

OS INFILTRADOS (The Departed, EUA, 2006, Martin Scorsese)

Scorsese ganhou o Oscar com seu melhor filme? Claro que não. Mas ainda assim é um puta filme, que ainda vai ser cultuado. Por causa dos ratos, provavelmente 🙂

A MÁ EDUCAÇÃO (La Mala Educación, Espanha, 2004, Pedro Almodóvar)

Mais Almodóvar. Aqui mais kitch que nunca. É sua especialidade… então é pra se esbaldar.

MATCH POINT - PONTO FINAL (Match Point, Inglaterra/EUA, 2005, Woody Allen)

Woody pra mim é sempre bom. Aqui ele pegou mais pesado, atacou de suspense e se foi pra Londres. Na mosca!

MINORITY REPORT - A NOVA LEI (Minority Report, EUA, 2002, Steven Spielberg)

Ninguém faz filme-pipoca como Spielberg. E aqui abusou da criatividade sci-fi e acertou em cheio.

O QUARTO DO PÂNICO (Panic Room, EUA, 2002, David Fincher)

Aula de tensão do começo ao fim. Sinto falta da Jodie Foster.

SEXO POR COMPAIXÃO (Sexo por Compasión, Espanha/México, 2000, Laura Mañá)

Uma joia espanhola descoberta quase por acaso. Humana, dramática, sutil, quase inocente. Poesia pura.

A SINGLE MAN (EUA, 2009, Tom Ford)

Outra estreia que impressionou. Um visual deslumbrante para uma história simples, mas defendida por talentos como poucos.

UP - ALTAS AVENTURAS (Up, EUA, 2009, Pete Docter e Bob Petersen)

Mais uma das criações geniais da Pixar. A sequência de abertura já entrou pra história.

VICKY CRISTINA BARCELONA (EUA/Espanha, 2008, Woody Allen)

Talvez o melhor Allen da década. O mais “abusado” pelo menos. Com direito a Oscar milagreiro pra Penélope Cruz!

A VIDA MARINHA COM STEVE ZISSOU (The Life Aquatic with Steve Zissou, EUA, 2004, Wes Anderson)

Anderson é um dos roteiristas mais geniais da década. Ponto final. E que nunca largue Bill Murray!

——————————————————————————————————————————————————————–

(Ah, e só antes de entrar no Top 100, vale citar):

5 nacionais que não cheguei a ver e talvez pudessem estar na lista:

Entreatos (2004, João Moreira Salles)

Juventude (2008, Domingos de Oliveira)

Mutum (2007, Sandra Kogut)

Peões (2004, Eduardo Coutinho)

Santiago (2007, João Moreira Salles)

5 americanos que não cheguei a ver e talvez pudessem estar na lista:

Gerry (EUA, 2002, Gus Van Sant)

O Homem Duplo (A Scanner Darkly, EUA, 2006, Richard Linklater)

A Ponta de um Crime (Brick, EUA, 2005, Rian Johnson)

Waking Life (EUA, 2001, Richard Linklater)

Wendy & Lucy (EUA, 2008, Kelly Reichardt)

E 10 outros “estangeiros” que não cheguei a ver e talvez pudessem estar na lista:

Arca Russa (Russkij Kovcheg, Rússia, 2002, Alexander Sokurov)

Código Desconhecido (Code Inconnu, França, 2000, Michael Haneke)

The Death of Mr. Lazarescu (Moartea Domnului Lazarescu, Romênia, 2005, Cristi Puiu)

demonlover (França, 2002, Olivier Assayas)

2046 – Os Segredos do Amor (2046, China, 2004, Wong Kar-Wai)

Luz Silenciosa (Stellet Licht, México, 2007, Carlos Reygadas)

O Novo Mundo (The New World, EUA, 2005, Terrence Malick)

Saraband (Suécia, 2003, Ingmar Bergman)

Temporada de Patos (México, 2004, Fernando Eimbcke)

Uzak (Turquia, 2002, Nuri Bilge Ceylan)

Advertisements

Leave a comment

Filed under Listinhas

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s